A busca pela felicidade.



Sabe aquele dia que você levanta da cama e parece que tudo dá errado?

Embora você se esforce para que as coisas aconteçam, a sensação que você tem é que esta nadando contra a maré?
 A razão para estarmos tão insatisfeitas, obviamente por que algo não saiu como planejamos, ou porque alguém deixou de fazer algo para nós de que precisávamos.
Nesses terríveis momentos nos perguntamos qual é o sentido? Porque isso sempre acontece comigo?
 Vamos á origem disso.
Todo ser humano sempre espera dos outros mais do possam oferecer, e quando isso acontece a tendência é a frustração e a decepção.
Para os homens isso não tem tanta importância, pois agem mais pela razão, nós mulheres ao contrario, somos guiadas o tempo todo pela emoção, por isso essa dependência é maior nas mulheres, por essa razão precisamos nos conhecer para então sabermos definir o que é irrelevante e só então decidirmos se aquilo que queremos é o que realmente precisamos.
Vamos  começar falando sobre o que precisamos e depois do que queremos.
Toda mulher precisa de segurança, por isso essa carência desmedida que sentimos.
A necessidade de carinho e atenção. Por isso buscamos elogios, apreciação, companhia, então essa carência nos leva a querer intensivamente das outras pessoas, isso é um problemão, pois nem sempre o outro vai poder nos dar o que precisamos, entende?
essa dependência só vai gerar insatisfação e insegurança.
  Ai  vem o grande desafio, “ser feliz com o que somos e com o que temos.” Não transferir para outra pessoa a responsabilidade de ser feliz.
Ser feliz com as pequenas coisas da vida é esse o sentido. A medida que você perceber isso, vai valorizar mais quem você é e  o que você tem, independente do que o outra possa lhe oferecer, pois você é feliz e essa felicidade vai exalar por todos os seus poros, então quando o outro se aproximar de você vai ser contagiado e  só então os dois serão felizes.
É dessa segurança que você precisa nos seus relacionamentos.
Na próxima postagem continuaremos esse assunto.
Um grande abraço e até lá.

2 thoughts on “A busca pela felicidade.

Comments are closed.